Formação de artistas – módulos anteriores

NÓS DA CIDADE – ROTAS DE NAVEgAçÃO [intensivo], COM ALEXANDRE SÁ E JOÃO MODÉ

Este curso, ministrado pela dupla de artistas/pesquisadores tem por objetivo discutir e analisar projetos individuais (ou coletivos) em andamento que serão aprofundados a partir de algumas questões práticas lançadas como proposições a serem discutidas pelos participantes de acordo com as suas respectivas linguagens e caminhos poético-visuais.

Além de tais propostas, os encontros serão permeados por um conjunto de provocações teóricas pertinentes aos diversos movimentos da produção contemporânea.

A Cidade do Rio de Janeiro (em seu devir-deambulatório-entrópico) servirá como elemento estrutural para as provocações práticas.

Esta versão de oito encontros, dois a cada semana, será finalizada com uma intervenção no espaço expositivo da Casa França-Brasil. A intenção é que o  grupo, além de desenvolver as questões pertinentes de cada poética, pense também na relação das obras com o espaço, das obras entre si, das negociações com a instituição…

Todas as etapas e questões desta intervenção, como título, programação visual, localização das obras, serão discutidas em conjunto. Pretendemos assim,  ampliar as discussões para além da poética pessoal e aprofundar na etapa de exposição da produção.

 

3ª e 5ª feira, 13h – 16h
Curso:17 jan – 09 fev
Ocupação: 10,11 e 12 fev

 

Alexandre Sá vive e trabalha no Rio de Janeiro. É psicanalista e pós-doutor em Estudos Contemporâneos das Artes pela Universidade Federal Fluminense. É um profissional híbrido que trabalha com as mais diversas linguagens (instalações, performances, objetos e vídeos) e sua pesquisa plástica tem como preocupação estética as relações entre o texto, a imagem, a poesia, a psicanálise e o corpo. Uma de suas particularidades é o diálogo entre teoria e prática, pois atua também crítico, escrevendo textos para revistas especializadas; além de desenvolver trabalhos como curador. Coordena o curso de Artes Visuais da Unigranrio. É diretor do Instituto de Artes da UERJ e docente do Programa de Pós-Graduação em Artes nesta mesma instituição.

João Modé vive e trabalha no Rio de Janeiro. Seu trabalho articula-se por uma noção plural de linguagens e espaços de atuação. Participou da 28ª Bienal de São Paulo [2008], da 7ª e 10ª Bienal do Mercosul [2009 e 2015] e participa atualmente da Trienal de Aichi, Japão com o Projeto REDE e Constelações. Exposições individuais selecionadas: Algumas coisas que estão comigo, A Gentil Carioca, Rio de Janeiro [2015]; Land, die raum, Berlim, Alemanha [2014]; Para o silêncio das plantas, Cavalariças do Parque Lage, RJ [2011/2012]; Eva [invisíveis], Fundação Eva Klabin no Rio de Janeiro [2009]. Participou do Panorama da Arte Brasileira de 2007. Desenvolveu projetos com Capacete Entretenimentos [Rio], Le Centre du Monde [Bruxelas], Casa Tres Patios [Medellin], Watermill Center [NY], entre outros. Tem formação em Arquitetura e Programação Visual, com mestrado em Linguagens Visuais pela UFRJ. Foi membro fundador do grupo Visorama. Tem trabalhos nas coleções do MAM-SP; MAM-RJ, Pinacoteca do Estado de São Paulo e Frac Bretanha, França.

 

Matrícula:
As matrículas serão recebidas na Casa França-Brasil.
Investimento pelo curso: R$900,00
Forma de pagamento: dinheiro ou cheque
Descontos: 30% para estudantes, professores, funcionários da Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro e funcionários de instituições culturais.

 

LABORATÓRIOS DE PROCESSOS EM ARTE
Programa intensivo de pesquisa e desenvolvimento de projetos e processos em arte.

Ao longo de uma semana, cinco encontros de trabalho, os participantes ocuparão a Casa França-Brasil, em um ambiente imersivo de exercícios, experimentações, estudo de textos, acompanhamento crítico de sua produção e encontros com convidados. O objetivo do programa é proporcionar um espaço de produção, convivência e interlocução para artistas que buscam acompanhamento e aprofundamento de sua pesquisa.

Cada semana terá uma programação específica e independente, dedicadas a linguagens da arte. Serão oito horas por dia, com aulas das 10h às 12h30 e das 14h30 às 18h, e um intervalo para almoço entre 12h30 e 14h30, onde se propõe o preparo coletivo de refeições, nos espaços da Casa.

31 de Janeiro a 04 de Fevereiro // Desenho e Pintura, com Fred Carvalho
Turno 1: 10h-12h30
Almoço: 12h30-14h30
Turno 2: 14h30-18h

 

Os interessados deverão submeter carta de intenção e imagens de três trabalhos, pelo endereço casafrancabrasil.faleconosco@gmail.com.

Serão selecionados até 15 alunos por turma. O investimento pelo programa, com duração de 1 semana, será de R$900,00. Estudantes, professores, funcionários da Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro e funcionários de instituições culturais, terão 30% de desconto.